27 março 2009

Torturosas Sombras.


O que a Dr. Vera me diria agora? Acho que tenho algum tipo de transtorno, odeio minhas mudanças de humor repentinas, por causas infundadas. Também detesto meu ciume por coisa também infundadas.
Mas, admito, estou triste. Sempre fico estranha quando as "coisas" fogem ao meu controle, mas normalmente isso acontecia quando eu não tinha, e nem queria as coisas de fato, mas desta vez... não.
Sempre que minha mente resolvia lembrar, me perguntava: "Por que não fiz nada?". Por que não aceitei a sugestão de um papo tão interessante, porque não fiz o que sabia que queríamos, porque ele não me evitou essa tortura e fez o serviço por mim? Por que? Por que?

Sempre detestei a sensação que a palavra "se" me traz.

Saudade das nossas conversas, das nossas mãos que se tocavam "sem querer", das cosquinhas, dos sucos, de ficar babando os "...olhos que o diabo lhe deu...", estou com inveja dela agora está com você nos intervalos que eram meus.

Sad.
Do you know?
No, you don't know.

2 comentários:

Rhayssa Lima disse...

Yes, gatinha...
Yes, I do!

E mais uma vez: PARE DE FICAR PENSANDO NO "SE".

E mais outra: às vezes, as coisas não acontecem pq n tinham que acontecer! E pronto! E ponto. "."

Érica Neves disse...

Mas ia acontecer, eu é que não.. não... =/

Pages