27 junho 2009

Clima



Sou clima: proporcional a minha fase.

Tenho fases como a lua, mas, sem a disciplina dos sete dias exatos. Tanto faz se são, sete, três, ou cinco dias. Tanto faz também o nível da maré...

Quem foi que botou a chuva dentro dos meus olhos?

Do mesmo jeito que sinto as coisas com uma intensidade ímpar, essas mesmas coisas, às vezes, vão.

Qual foi a luz da luz do Sol Que secou e me fez ver?

Sigo o clima pseudo tropical de minha região. Chuva quando deveria ser sol, e sol quando deveria ser chuva.
As tempestades as vezes se repetem pelo simples fato de ser, cabeça dura, meio romântica e esperançosa. Mas, a repetição me faz mais forte. Faço apostas altas, mesmo achando que é jogo perdido.
Porém chega uma hora que cansa.
Meu coração agora pede por um ponto, preciso seguir..

Não vou disputar com alguém que você nem quer que vá, ficar esperando que você faça algo que você não quer fazer. Como disse antes, raiva eu não tenho, você foi único. Mas é até quinta, sexta colocaremos pingos nos "i". Ou melhor, eu colocarei um pingo no "i".

Teu amor é falso
Mas o amor não é assim
Ele sabe muito bem
A hora de chegar e de partir

Teu amor é pouco
E eu preciso mais
Me cansei, não volto atrás
Se é por falta de adeus
Já "podemos" ir em paz

Vai que fora do barco eu já to
Eu falei, insisti
E você fez que nem ouviu
Foi perdendo a cor e tudo que era teu..

Como diz mãe, tudo tem seu tempo. Não adianta querer fazer com que as pessoas enxerguem coisas que elas não querem.

2 comentários:

CarOl disse...

Toh em dias de tempestades!!!
chuvas, raios e trovões!! :/
hahaha
dá uma passadinha no meu, me
abadonou foi?! :P
bjus
se cuida

disse...

PIngos nos 'is'? vc conseguiu?
[se é que eu entendi]

Pages